Você sabe o que é a “Agorafobia”?

Apesar do nome nos remeter ao pensamento voltado ao tempo, como se fosse um “medo do agora”, essa fobia não tem muito a ver com isso. Associada majoritariamente a crises de ansiedade e síndrome do pânico, a Agorafobia pode ter várias causas e muitos sintomas.

O principal a se entender sobre esta fobia, é que se trata de um distúrbio de ansiedade que, muitas vezes, se origina após crises de pânico. Este distúrbio faz com que a pessoa sinta um medo descontrolado de sofrer outro ataque de pânico do qual não conseguirá escapar, o que resulta numa fobia de sair sozinha de casa, ir a locais com muita aglomeração de pessoas ou que fique totalmente sozinha, sentir necessidade constante de alguém que lhe faça sentir segura esteja por perto, como a mãe ou o companheiro, estar em filas, parques, carros trancados, etc.
Cerca de 150 mil brasileiros sofrem anualmente com essa síndrome, e muitas vezes não entendem que ela possui um tratamento adequado, a associando totalmente a ataques de pânico e crises de ansiedade comuns.
Sendo assim, como identificar a Agorafobia?

  • O medo e a ansiedade são exagerados em relação à situação enfrentada
  • Mesmo sem ter crises de ansiedade, prefere evitar contato social ou situações potencialmente estressantes por medo de ceder ao pânico.
  • Tem medo de ficar sozinho em casa, pois pode ter uma crise.
  • Tem medo de fazer qualquer coisa em ambientes com muitas pessoas, pois tem medo de ter uma crise em uma situação de exposição.
    Note que, no geral, a Agorafobia pode ser classificada como o “medo das próximas crises de pânico/ansiedade”, dado o fato de que, segundo pesquisas, de 30 a 50% das pessoas que possuem esta síndrome, também sofrem com síndrome do pânico.

Como tratar a Agorafobia?

Em primeiro lugar, busque tratamento profissional adequado, cuide da sua saúde mental e física, faça terapia de maneira constante, mesmo que não sofra com crises por algum tempo e trabalhe sua respiração, para controle da ansiedade.

Se você acredita que possui esta síndrome ou qualquer outro tipo de problema emocional não hesite em nos contatar! Temos grandes profissionais prontos para te atender!

Este site faz uso de coockies.
x