O que a Psicanálise fala sobre Interpretação de sonhos?
Em 1900, Freud publicou seu livro chamado “A Interpretação dos Sonhos”. Este livro, sendo uma das primeiras obras do renomado doutor, marcou o início de uma grande era para a psicanálise, e traz discussões e pesquisas no ramo até os dias de hoje.

Para Freud, os desejos do seu subconsciente podem se manifestar através dos seus sonhos, sendo um mecanismo do seu próprio cérebro tentando reproduzir qual seria a sensação de conquistar aquilo que ele deseja. Dessa forma, interpretar essas ações da psique do indivíduo poderia levar a respostas que o mesmo não consegue imaginar ou compreender quando está vivendo!

Muitas vezes, desejos reprimidos de quando o paciente ainda era uma criança, se revelam através dos sonhos, e a partir disso pode-se encontrar respostas e curas para traumas do passado. Um exemplo muito comum, é o da rejeição paterna, que se manifesta de diversas formas dentro dos sonhos. A partir desta identificação, um caminho para a reconciliação parental se abre, e quando o paciente consegue atingir esse objetivo, ele encontra a verdadeira paz que estava buscando e só foi encontrada graças ao próprio subconsciente, que gritava por ajuda durante seu sono.

Os mecanismos dos sonhos
Freud separou os “mecanismos” dos sonhos em 4, sendo eles:

– Condensação: Normalmente, os desejos expressos pelo sonho não são óbvios ou literais, mas estão condensados em vários aspectos da sua psique, que é diluída e representada pelos sonhos de maneira tátil ou visual;

 

– Deslocamento: Quando o paciente/indivíduo, no próprio sonho, se afasta de seu objetivo real e passa a se importar com um objetivo secundário e primeiramente não importante;

– Dramatização: É nossa imaginação fluindo, e criando cenários que podem nunca acontecer. Um sonho nem sempre tem de ser, e na maioria das vezes não é, realista.

– Simbolização: São as imagens que aprecem no sonho e que são símbolos dos desejos internos do indivíduo, que podem ou não estar relacionados entre si. Um exemplo, é quando sonhamos que estamos vendo um objeto estranho, e mesmo que sem forma, sabemos o que ele representa pra nós, pois foi a maneira do seu cérebro de representar o seu desejo.

Gostou desse conteúdo? Está sonhando repetidas vezes com algo que não compreende? Procure um especialista hoje mesmo e busque suas respostas dentro de si próprio.